FALAS DE MIM SEM EU

o olhar passa entre desolado, triste e indiferente, um olho grande que dá vontade de tocar

agora já passou há tempo e não posso fazer nada além de recordar e transfigurar sensações

deixe-me começar de uma vez

não me vi, era como se não estivesse ali, em meio ao rio barrento onde bois faziam as vezes do peixe-boi, pulavam dentro da água e atravessavam até a outra margem

eu fiquei no meio, acompanhando aqueles grandes bichos pra lá e pra cá, pra lá e pra lá, seus corpos eram mais do que estranhos, o chifre que saía de suas cabeças parecia mole, eles inteiros eram molengas

a água barrenta não tinha temperatura, o chão não tinha textura, os bois não faziam barulho

no instante seguinte eu já estava na minha cozinha, assim mesmo, sem explicação e sem contestação

novamente não eu mas minha presença

sentado na minúscula mesa o meu falecido pai, meu querido pai, saudades, queria um último abraço, um último grito de gol, um último momento feliz, até mesmo um tchau, o que temos no entanto é meu falecido pai querendo tomar café da manhã logo na minha casa, se tiver água na geladeira o senhor deve se alegrar, penso enquanto digito

acaba que não come, quer café e vejo uma pequena cafeteira, pequena e estranha, meu pai porém pega o pequeno pote de café iguaçu, uma colheirinha e sai a comê-lo puro, uma, duas, três colheradas e não é só café, vejo diretamente dentro do pote as larvas, os bichos podres, ele come tudo

não nos falamos, a bem da verdade nem sei se ele me viu

ele está igualzinho, usa óculos, uma camisa polo, o cabelo grisalho que ainda não é branco, não emagreceu nada desde que morreu

vou até a área de serviços, onde tenho algumas plantas, e encontro um vaso novo, baixinho e largo, a terra está estranha, não parece terra, parece um bolo, acho que é um bolo, não sinto cheiro, o que não chega a ser um privilégio do momento, é bolo ou terra, se for bolo podemos comer, se for terra talvez o pai coma igual, olho pra cozinha e não tem mais pai

vou colocar a mão na terra ou bolo para descobrir, vou esmagar com os dedos, vou sentir, vou, vou

hesito

onde estão os bois, onde está o pai

hesito

tem sol lá fora

hesito

hesito e não chego a descobrir

anoto para ver se acontece novamente, lembro e tento dar algum sentido, recorro a um texto e nada

da próxima vez tentarei me olhar no espelho

ANTES DAS CINZAS

Não foi assim pra chegar aqui.

Não me julgue mal (além da conta). Nunca pratiquei ato heróico (não o que você tem em mente como heróico).

Enfim, cheguei aqui.

Escuto os ruídos.
Vêm dos últimos a se manterem em pé.

Eu estou deitado na minha cama. Antes, caminhei por algumas quadras para ir até um café. Fila de espera. Fila de espera em uma cidade vazia e cheia de gente desesperada. Não estou desesperado. Não espero.

Um homem e uma mulher são capazes de dirigir um automóvel.
São capazes de escapar do pior horário e tranquilamente chegar antes para um merecido descanso.

Não sei se tivemos uma noite ontem. Fechamos as janelas, as cortinas e os vidros. Fizemos o que estava ao nosso alcance para não estar aqui.

Rumores.
Um velho morreu na quadra de basquete. Fazia sol, calor e ele capotou. Não tinha documentos, o conheciam por Pitanga.
Um minuto de silêncio pelo Pitanga.

Ainda vou chegar.
A estrada engarrafada. Devia ser proibido carro sem ar-condicionado, eu vou morrer aqui dentro, ela vai morrer comigo.

O rádio fala do carnaval. O desfile de carnaval. Os acidentes do carnaval. Os crimes e as mortes. Lembro da vizinha, contou que a filha foi assaltada.

Se eu fechar os olhos por alguns segundos e acelerar o carro e pisar o mais fundo possível e não tirar o pé por nada quem sabe a gente chega logo.

Não me parece prudente e eu não sou imprudente. Apesar de louco e capaz de entrar em pânico por causa de um louva-deus, palpitar o coração e senti-lo gritar (o coração grita), sou alguém bem pacato e normal.

Ontem mesmo assistimos a dois filmes e dormimos.

Uma comédia e um drama. Um ganhou o Oscar e o outro não chegamos a assistir – na verdade nunca existiu, desde o começo era apenas um filme e um dos bons, não sei por que tive de inventá-lo. Sim, fizemos mais coisas durante nossa noite mas não convém contar-lhe.

Cedo ela levantou e preparou o café da manhã. Eu não levantei para comer. Por fim, guardou as coisas na geladeira e o sanduíche dormiu. Eu venceria a competição da inutilidade e do sono. Não compita comigo. Não faça como o velho Pitanga. Eu estava na quadra. O Pronto Socorro é tão perto e não pude fazer nada. Tentamos. O mais magrelo disparou para pedir ajuda, nós gritamos socorro socorro e sapateamos ao redor do corpo (a essa altura já era um corpo). Demoraram um bocado para chegar. Acho que em todo arremesso vou me lembrar dele.

Quanto a estrada, que bela hora para sair. Bem aventurada seja a ideia de ter escapulido no meio da tarde. Bem aventurado o carnaval para os que dormem. Já não tenho pernas, vontade ou prazer em aproveitá-lo de outra forma. E mesmo assim estou aqui, como os que tentam a sorte nas horas finais, bêbado em minhas próprias ideias que não saem do lugar. Outra vez engarrafado.

Não quero que guardem as minhas cinzas e nem tenho um lugar especial para que elas sejam jogadas. Cemitério não. Não. Nesse ponto sou igual ao carnaval: não me enterram e ponto final.

Penso como deve ser pular o carnaval no céu. Que ideia boba.

Será que todos os dias são carnaval? Tomara que não. Não falo por mim, é que aí acabaria a graça.

Também é possível que não haja festa alguma. Nesse caso ou no outro seria o fim dos foliões.

Folião. Foliona. É gostoso de dizer. Não cessem. Continuem. Relutei em dizer isso mas é melhor assim, e o azar é meu. No fundo nem me importo, não passa de uma dramatização. É claro que eu preferia o silêncio mas a rua não é minha, eu que me meti aqui.

Esquece esse cara. É o último sopro antes das cinzas.

a verdadeira sabatina de alexandre de moraes

o homem chegou a lua e de la viu a careca do novo ministro do stf uma jogada dos aspones que faz lembrar o pixo enquanto voce grita gol ele te exploram mas o que pouca gente sabe é que depois da sabatina ensaiada o nobre alexandre de moraes passou por uma sabatina de verdade no meu gabinete

magno
alexandre

alexandre
boa tarde
magno
nao almocei ainda
alexandre
entao toma aqui um bolinho
magno
o senhor ta laricado
alexandre
o que
magno
fumaste maconha
alexandre
basta
magno
o senhor vai me responder agora
alexandre
inseto
magno
fala serio fumaste ou nao fumaste
alexandre
nao fumei
magno
e como explica a queda de cabelo
alexandre
é natural maeu pai era calvo
magno
me perdoe que nao tenho iate nem mansao mas comida tenho e o bolo da minha mae é melhor do que esse seu sem gosto
alexandre
quero provar entao o da sua mae
magno
aceita um cafe
alexandre
por favor
magno
açucar ou adocente
alexandre
nenhum purinho
magno
nao nao isso aqui é conversa seria quero saber sua opiniao sobre o muro de berlim
alexandre
apoiei veementemente sua queda acho que foi o melhor para o mundo
magno
voce se considera apto para defender de forma neutra os interesses do brasil
alexandre
absolutamente
magno
fico mais tranquilo vamos pra proxima arroz com ovo prefere o ovo mole ou durinho
alexandre
mole sem duvidas pra espalhar por todo o arroz
magno
o que voce tem a dizer sobre as denuncias de ter plagiado outros autores
alexandre
com as pedras que me atiram eu construo meu castelo
magno
e apesar de ser filiado a um partido voce é isento
alexandre
mesmo nao concordando com o que voce fala eu defenderei seu direito de se expressar ate a morte
magno
to perguntando de voce
alexandre
ja falei que meu unico objetivo é a soberania nacional
magno
em caso de precisar comprar drogas quem o senhor me indica
alexandre
tenho otimos amigos para para com isso para de pegadinha
magno
o senhor deixaria o bigode crescer se eu prometesse que viraria presidente da republica
alexandre
nao tenho essa intençao
magno
entao um rei
alexandre
agradeço
magno
um deus o dono do brasil e do continente americano
alexandre
eu poderia erradicar a maconha
magno
nao
alexandre
entao nao
magno
voce prefere carne mal passada ou bem passada
alexandre
essa é uma questao muito polemica prefiro passar
magno
no final de semana voce coloca o despertador ou acorda sozinho
alexandre
normalmente eu acordo sozinho em torno das seis da manha gosto de levantar cedo
magno
que horas da a primeira cagada
alexandre
assim que levanto
magno
le o jornal
alexandre
sentado no vaso
magno
voce é a favor da poda de arvores
alexandre
depende a arvore
magno
se voce tivesse cinco palavras para mandar ao povo brasileiro quais seriam elas
alexandre
parabens sou o novo ministro

TRATADO SOBRE A REGENERAÇÃO DA RAÇA HUMANA

Não haveria guerras
Massacres
Ímpetos de conquistar o mundo e deixar os pobres morrerem de fome

As brigas com a família acabariam
As discussões inúteis
Os medos baratos
E as angústias tolas

O mau como se conhece parte de dentro do homem
E ele não mais existiria

Nem a raiva
O ódio
O descontrole emocional
O desespero infantil
Só porque tudo dá errado

Só porque nem tudo aconteceu
Como fantasiado
Sua estúpida e egoísta fantasia

Não haveria egoísmo
Prepotência
Orgulho
E patriotismo

Tampouco discursos tontos e inflamados
Seguidores de assassinos e salvadores dos bons costumes
Homem de bem e de mau
Mulheres que prestam ou não

Não teria espaço para o juízo de valores
Para os valores valerem mais
Do que o que vale de verdade

E quem sabe
As coisas dariam certo
E se não dessem
Não haveria problema

Se ao menos soubessem
Que só precisam
Boiar
Atrás da arrebentação

Fechar os olhos
E ouvir o som do mar
Respirar profunda e lentamente
Deixar-se levar

Deixar um sorriso nascer
E a mente límpida
Somente amar

sobre hoje e os nossos tempos

tem tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo que dessa vez eu nao consegui fazer nada

nao que eu ja tenha feito algo relevante antes mas nao tive forças me recolhi no sofrimento e com ele calei vendo o resto passar desapercebido façam os memes por mim se for o caso eu nao to conseguindo achar graça

depois que o aviao caiu tudo ficou palido

a gente ainda ta aqui falando sobre aborto e nao sai do lugar parece obvio que permitir o aborto nao é ser a favor do aborto porem deve ser dificil de entender talvez tenhamos que que convidar os maiores pensadores da historia para explicar contudo nem assim será possivel

bem entao vamo se manifestar contra a corrupçao mas so alguns corruptos precisam cair chamem o menino kim pra dar uma liçao de moral no japones da federal falando nisso o gato comeu a tornozelera do japones e a lingua do eduardo cunha alias quem é eduardo cunha alias o hipster da federal comeu a lingua do eduardo cunha e daqui a pouco estara de tornozelera e todos vao se reunir em uma grande orgia

todos menos voce seu puritano

a odebrecht pediu desculpas vamos dar mais uma chance pra ela

e ve se esquece aquela parada de visto porque o trump ta la ele é lunatico possivelmente nao passa de um personagem e é um eminante desastre prestes a tomar forma ou um improvavel remedio com texturas novas em um mundo tao cheio de vazios vai saber trump pode ser um placebo ou uma tarja preta

esse é o mundo que nos cerca a sociedade se esgotou fecharam as portas para os refugiados os britanicos vazaram correndo de um tratado com a imbecil ideia de unir povos e economias o nosso amado povo colombiano refutou um aceno de paz e nos dissemos que absurdo

aqui e em todos os cantos vamos viver nos novos caminhos feitos por aqueles que negam o que sao para serem o que nao se sabe se quer ate essa onda quebrar na proxima crise

e para nao dizer que nao falei de letras mais um poeta morreu e alguem astutamente vai lembrar ‘e o sarney continua la’ parabens inclusive por que nao ocupas um espaço na academia brasileira

em suma nao ta facil

agora o surpreendente e acalentador é que no meio dessas tremendas bizarrices para usar o termo de algo que foge do comum sem fazer juizo de valor do quao terrivel é ver o discurso de odio triunfando nas ruas e nas urnas vem a constataçao de que essa raiva nao passa de uma pobre derrotada pois a verdadeira essencia da humanidade esta nas manifestaçoes de amor e solidariedade que nos fizeram ao mesmo tempo chorar e sorrir la no fundinho

eu quero acreditar

soy celeste

chegamos ao chile em uma quarta o dia que os catedráticos da matemática consideram como o meio da semana

as primeiras horas foram promissoras o hostel era consumido por um budum talvez necessário para adormecer nas camas empilhadas fizemos nossas reservas para o mesmo quarto mas acabou que cada um teve que ficar separado sem problemas organizamos brevemente nossas coisas e nos encontramos no pátio para tomar cerveja comer pizza e assistir ao jogo do brasil no telão que havia sido instalado precariamente

assim que sentamos o brasil tomou um gol enquanto continuávamos a apreciar a gastronomia que nos era acessível o neymar entrava em colapso e encerrava seu expediente na copa américa

cansados nos preparamos para nos recolher fui para o meu quarto e sentei na cama

uma menina entrou e disse para o rapaz da cama debaixo

– hoje eu quero dormir contigo vou fazer tu me comer

uma segunda garota de peitos fartos que parecia ligada nos 220 volts surgiu perguntando quem queria ir pra festa pela primeira vez me manifestei para uma pessoa estranha e disse to dentro a menina que havia intimado o rapaz homossexual a possuí-la ficou envergonhada

– meu deus não imaginei que tu falasse português

pois falo e também sei me arrumar rápido quando desci meus amigos já estavam prontos e disseram que tinha uma festa sim é para lá que vamos

a festa acontecia em um velho teatro enorme e a entrada era de graça para mulheres e estrangeiros em resumo era o paraíso jamais voy a me olvidar do ritmo frenético das músicas cho cho chofer pare el taxi bailando bailando que foram basicamente as duas canções que embalaram a viagem nesse primeiro dia e em todos os outros fizemos como vidal e batemos a ferrari

tínhamos alguns objetivos o principal era disseminar a torcida organizada febre amarela uma iniciativa que surgiu já em território chileno e que se mostrou um verdadeiro sucesso pois ainda hoje passado mais de um ano amigos que lá fizemos usam a fatídica expressão em hashtags no seu instagram o outro propósito era difundir a expressão rootera algo que insistimos inclusive com falantes da língua inglesa

– rootera… from the nature… from the roots

nesse ponto acredito que não tivemos tanto êxito

desbravamos praticamente nada de santiago nos limitando ao bella vista e seus arredores nos intercalando entre três hostels que eram todos próximos ao cerro san cristobal um belíssimo monte que só fomos subir faltando aproximadamente poucas horas para partirmos

também deu tempo de conhecer valparaíso mi valpo querida inesquecível o espaço de chão mais rootera da viagem morada de gente amalucada e com ódio solene a santiasco não obstante era ainda terra de um prato típico que trocando em miúdos não passa de uma batata frita mal frita (não aprenderam com minha vó) molhada com queijo mal derretido e outras tranqueiras por cima

nosso quarto em valpo tinha um triliche e uma cama de casal chuliamos para que uma hermosa sueca dividisse o espaço com a gente mas o destino nos reservou carlitos no final das contas essa cigana que manda nas nossas vidas fez algo copero

na primeira festa aquela da quarta-feira havia uma tonelada de colombianos fazendo algazarra frente a vitória sobre o brasil os chilenos por óbvio estavam ensandecidos os argentinos lotaram o estádio sausalito onde também comparecemos para hinchar por nuestros hermanos de jamaica muitos brasileiros por tudo naqueles free walk tour descobrimos uma pilha de neozelandeses europeus e mais galerinha cool aqui e acolá haviam paraguaios y tambien mexicanos como nosso amigo michael que nos acompanhava no fatídico incidente

bebíamos na rua e uma viatura encostou e desceram ali carabineros armados até os dentes

– no se puede beber en la calle
– llegamos hoy no sabiamos
– brasilenos
– soy mexicano
– documientos

momentos de tensão

– pero esto no es calle – perguntou meu amigo apontando para pessoas que bebiam sentadas em um bar com cadeiras na rua
– si pero tienem permission

a essa altura nossa argumentação era invencível diferente do tigres time do coração do michael apaixonado por #10 gicnac e que depois da libertadores passou a torcer para o river plate vai entender esses caras

era lindo ver a confraternização das nações mas algo nos chamava a atenção onde estavam os uruguaios

assistimos a chile e uruguai o jogo do dedazzo do cavani no estádio nacional de santiago no primeiro tempo ficamos em meio aos chilenos e aceitamos o porro que nos foi oferecido por novos amigos de cara indigena mas no intervalo não nos aguentamos e descemos até o nível onde se encontravam os uruguaios eles não paravam um minuto faziam tanto barulho que deixaram os chilenos brabos mesmo que classificados antes do final do jogo a área foi isolada e sim ficamos lá presos junto aos cisplatinos sendo alvos de copos e outras besteiras atiradas pelos donos da casa

tivemos que esperar até o estádio ficar vazio para olha só que mundo pequeno sermos escoltados pelos carabineros até o metro

continuamos fazendo festa continuamos indo em bares e continuamos sem encontrar uruguaios que apesar de numerosos no estádio não davam as caras em nenhum outro lugar

já era quase véspera da nossa partida já havia se passado outra quarta com uma festa nos mesmos moldes da primeira só que dessa vez em uma velha fábrica abandonada a coisa só ficava melhor e fomos empolgados para mais uma noite de descontrole que demorava para ficar boa e o nos era dito o mesmo argumento de sempre

es muy temprano

nem ao menos chichichi lelele viva chile foi preferido nesse ambiente fugaz e infelizmente provamos o sabor do fracasso mas contudo porém entretanto existe aquele ditado e estávamos decididos a vivenciá-lo em nossas próprias peles eu sou brasileiro e não desisto nunca

juntamos um grupo composto por cariocas gaúchos e mineiros e perguntamos ao promoter da festa falhada se havia algum lugar para irmos

hay un after

o homem nos entregou cartões de visita e disse que com isso não pagaríamos entrada faltaram alguns pois segundo ele chicas no pagan

e lá fomos nós caminhando pelas ruas desertas em uma noite gélida com pouca roupa e dessa vez nem era possível infringir a lei pois não havia coisa alguma aberta para nos vender nada em determinado momento as meninas disseram que iriam para a casa – uma delas morava por lá – e quebraram em uma avenida nunca mais as vimos

seguimos com a esperança de que algo acalentador nos esperava quando chegamos próximo ao endereço todavia chegou a dar um frio na barriga

a festa parecia clandestina uma grande porta preta toda de ferro se abria furtivamente e as duas ou três pessoas da fila entravam espiadas onde diabos fomos nos meter a caminhada pela rua pareceu mais longa do que todo o restante da epopeia pois vacilávamos em avançar provavelmente esse era o ponto mais longe de bella vista que havíamos chegado bueno mesmo que tremendamente desconfiados decidimos que foda-se

abriram a porta

o segurança do outro lado não emanava um vibe positiva se é que você me entende e ele e seus companheiros fizeram cara feia para nossas cortesias queriam dar um jeito de nos arrancar dinheiro tiramos coragem sabe se lá de onde e batemos o pé ninguém iria desembolsar nada mas prometemos gastar em bebida lá em cima

aceitaram a derrota e nos mandaram entrar de vez

um corredor escuro nos conduzia até uma escada e a pouca roupa que eu usava já me fazia passar calor fui obrigado a tirar a camisa xadrez finalmente iniciamos a subida e cada degrau parecia levar para mais perto do inferno a umidade se mesclava a um abafamento absurdo e a expecativa para o que nos esperava lá em cima era assombrosa

foi pelo cheiro que ficou claro estávamos nada mais nada menos do que em um puteiro trash de quinta categoria sim a viagem não havia nos privado nem mesmo dessa experiência e só quando alcançamos o último lance e abrimos a porta é que irromparam os gritos dos apaixonados que tomavam seus tragos e rodeavam as poucas infelizes garotas

soy celeste
soy celeste
celeste soy yo

a brilhante ideia de ir em uma festa

nao foi por acaso que entrei naquela casa vermelha cor de sangue minha vizinha de gritaria e sussurros hospedeira de pessoas que formam filas e bebem e fazem barulho pessoas em uma sintonia completamente desconectada da minha

nessa noite porém eu recebi um convite de uma amiga e pensei por que não

aceitei a tortura que é entrar em uma festa

fomos direto para a pista eletrônica o espaço era diminuto todas as paredes e o teto pretos e ainda por cima baixo minha cabeça quase dava nas lâmpadas e o som muito alto estourava minha mente

existia um ritual para fazer parte daquele grupo um ritual simples que consistia em colocar drogas debaixo da lingua eu esperava pacientemente a loucura tomar conta do meu cérebro enquanto observava que os outros já estavam em outra órbita meu estimulo era diferente do deles e vim a descobrir que não fazia sentido em um ambiente tão perturbador

contudo nada acontecia comigo no máximo uma dor de cabeça causada pela batida

não bateu

esqueci meu celular em casa disse pro segurança moro aqui do lado já volto ele me deixou sair e confiscou minha identidade eu subi para meu apartamento e tive duas ideias a primeira tomar o resto do alucinógeno torcendo para que alucinasse e a segunda que eu fiz primeiro foi fumar um baseado e no momento em que acendi e prensei senti o plim em um gesto irresponsável coloquei o que ainda restava do gato felix dentro da boca peguei também a ponta e levei comigo

meu primeiro ato de volta à festa foi entrar no banheiro do andar de cima para mijar um lugar todo amarelo e com riscos nas paredes assim que abri meu ziper e botei o pingolim pra fora começou um terremoto tentei me segurar e por pouco não caí foi uma longa mijada até eu sair do banheiro

respirei fundo e desci as escadas parei na pista pop onde tocavam coisas impossíveis de lembrar e adolescentes com pouca roupa se beijavam dançavam e ensaiavam o coito eu claramente não fazia parte daquele grupo e me desloquei para a pista eletrônica onde as coisas ficavam ainda piores de fato agora havia batido e batido muito eu não conseguia ficar confortável tentava me concentrar olhando para qualquer coisa e essa coisa qualquer ganhava vida

fui pra área de fumantes o reduto das melhores pessoas das festas e ali puxei minha ponta plim de novo a grade da janela se mexeu me sentei e curti o que acontecia

de volta para dentro da casa me deparei com a figura de uma coruja pintada na parede uma bela coruja e eu tinha certeza que ela faria algum movimento olhei fixamente por um bom tempo e a coruja permanecia imóvel quando eu finalmente pensei em sair a desgraçada piscou um olho

as músicas eram atordoantes as pessoas se escoravam pelos cantos e permanecer nessa festa era um exercício de sobrevivência intercalando entre as pistas e me desvencilhando de toques de gente amalucada usando óculos escuros precisei novamente usar o banheiro agora fui naquele que ficava debaixo da escadaria e entrando dei de cara com o chão estava inundado e sujo caminhei devagar e mijei

as cenas pareciam repetir e repetir de repente as pessoas cada vez mais loucas era de manhã e ainda estávamos ali

vou embora disse para minha amiga

me espera respondeu

foram alguns minutos até que ela desse tchau para uma porção de gente e pegasse seu casaco na chapelaria – onde duvido que um único chapéu estivesse guardado

caminhamos os cerca de 30 metros até a entrada do meu prédio e subimos fumamos mais e ficamos olhando pela janela o dia tomar forma

conversamos sobre a vida e humildemente fizemos poesias que no momento pareciam primorosas

ela resolveu que precisava ir pra casa e desci para acompanhá-la até o táxi que fica logo atravessando a rua na outra esquina mal sabia eu que estava incapaz de agir socialmente e sem a noção de tempo e espaço quase fui atropelado por um ônibus que parecia longe assim que ela entrou no táxi eu corri de volta pra casa me tropeçando

meu quarto era o único lugar habitável do mundo não sei o quanto me debati antes de apagar formulando uma infinidade de nãos e porques de nunca mais entrar na maldita casa vermelha

bob dylan revela as grandes verdades por tras do nobel

ele ganhou os maiores premios de todas as esferas ficou famoso la nos anos 60 e esta ate hoje em atividade cantando suas músicas essa semana mais um momento marcante na sua vida talvez o maior deles com o nobel de literatura vem pra ca bob dylan

magno
ola bob

bob
oi magno

magno
how does it feel

bob
bom demais

magno
é verdade que voce não da entrevista pra nenhum meio de comunicação

bob
não costumo fala com a imprensa

magno
brigado por me recebe

bob
você é um amigo é diferente

magno
brigado

bob
eu que agradeço

magno
qual a sensação de ganha o nobel

bob
to muito feliz o nobel é uma copa do mundo to muito feliz mesmo de dá esse premio pro meu povo

magno
é como faze um gol na final

bob
com o estádio lotado

magno
é quem nem aquela musica do skank

bob
muito bom skank

magno
voce começou a compor ha 50 anos atras e está ate hoje em atividade qual a fórmula mágica

bob
não existe fórmula eu faço o que faço por necessidade mostra minha arte meu modo de pensar e ganha muito dinheiro

magno
você traiu o movimento folk traiu as pessoas que acreditavam nas canções de protesto e agora traiu os romancistas como isso mexe contigo

bob
nunca traí nada eu só vivo a minha vida e as coisas acontecem de forma natural

magno
é tipo aquela música deixa a vida me levar

bob
vida leva eu

magno
você é conhecido por ser muito egocentrico e arrogante o que tem a dizer sobre isso

bob
acho que falam muito de mim se eu não fosse importante não estariam falando prefiro não falar nada

magno
qual o maior orgulho da sua vida

bob
são tantos mas acho que o principal é tudo que eu fiz

magno
em que lugar do mundo voce jogaria uma bomba atomica

bob
eu não faria isso

magno
mas pensa assim se você não jogar a bomba atomica vão jogar várias as redor de todos os lugares e você tem a oportunidade de só uma bomba explodir

bob
não quero joga bomba atômica

magno
e um rojão

bob
rojão eu botaria dentro de um tijolo pra vê ele explodindo

magno
milhões de pessoas sem um lugar pra dormi e você explodiria um tijolo

bob
desculpa

magno
tudo bem ninguém é perfeito

bob
olha eu não penso assim

magno
em quem você vai vota

bob
olha acho a hillary meio escrota mas o trump é totalmente escroto

magno
não po no crivella ou no freixo

bob
eu sou americano

magno
não torce pro nense então

bob
não nenhum americano conhece isso

magno
americano o caralho você é estados unidense e não viu a copa dysney pelo jeito

bob
não vi

magno
fala serio voce ja fumo muita maconha e toco pra bilhoes de pessoas ja ganho todos premios da humanidade e a humanidade tá indo nesse caminho parece que uma terceira guerra mundial está eclodindo as pessoas morrem na siria passa um tornado no haiti e ninguém nem aí você acha que todo seu trabalho foi em vão

bob
eu diria que sou um homem em um deserto

magno
bob dylan quem é o principal culpado pelo aquecimento global

bob
o ser humano

magno
cite nome

bob
são varios é o descaso com a humanidade a busca pelo capital pelo lucro quando na verdade isso não tem valor algum

magno
não disse o nome de ninguém

bob
os dono das fábrica os presidente que toda hora assinam os tratado e não fazem nada diferente é triste

magno
voce acha justo o povo brasileiro pagar tantos impostos

bob
com certeza não pobre brasil

magno
você ganho muito dinheiro vai doa tudo pra caridade

bob
to pensando ainda o que vou fazer

magno
você pensa muito

bob
muito

magno
quando escreve uma música você pensa ou sai fazendo

bob
eu gosto de pega o violão e saí tocando mas tem que fecha a música certinho também

magno
você lançou milhares de cds você acha que alguém já ouviu todos

bob
tem gente que já ouviu tudo sim

magno
até os gospel

bob
acho que sim

magno
e você leu os livros que você escreveu

bob
não gosto muito de lê as coisas que escrevo depois que já estão publicadas

magno
e suas músicas você também não ouve

bob
normalmente não

magno
então nem você escutou todos seus cds

bob
olha cara para com isso

magno
você começou a escrever uma autobiografia mas parou no volume um vai da tempo de escrevo o resto

bob
vai sim pode fica tranquilo que ta tudo na minha cabeça

magno
voce sente ciumes do mick jagger

bob
nao pô

magno
qual sua opinião sobre a dialética antropofórmica laureada pelos grandes pensadores dos substerraneos sufocados pela opressão pos-modernista

bob
a hipertrofia dos tempos atuais amplifica a dicotomia entre a estagnação e a insubordinação porem isso não significa que o conformismo tambem não seja uma forma de ver o mundo

magno
então estaremos todos na berlinda entre o saber sem saber e a ignorância racionalizada pela estética da aliteração que permeia nossa onipresença

bob
particularmente minha visão é menos trágica e disforme prefiro dizer que o prosaico é uma tergiversão do nosso expoente escondido sob as próprias sombras

magno
voce tiraria o chapeu para acelino popo de freitas o popo

bob
sim

magno
alcança aqui o chapeu que entrego pra ele depois

bob
não vou dar o chapeu só tira o chapeu e bota de volta na cabeça

magno
muita gente no brasil esperava que esse premio fosse dado para um escritor nosso que temos muito orgulho e faz parte da nossa academia brasileira de letras o josé sarney voce já leu algum livro dele

bob
sim

magno
qual

bob
todos sou um grande fa e me sinto lisongeado de nesse momento abrir mão do meu premio e dedica-lo e dar de presente ao ze

magno
a gente tem uma surpresa vem pra ca ze

sarney
oi

magno
que que foi ta tudo bem

dylan
nossa to muito emocionado

magno
canta uma musica pra ele

dylan
qual

sarney
pode se aquela famozona

dylan
hey mister tambourine man

sarney
aquela outra

dylan
how does it feel to be a complety

sarney
canta o refrao

dylan
like a rolling stone

sarney
canta aquela outra mais famosa

dylan
the answer my friend is blowin the wind

sarney
canta aquela outra mais famosa

dylan
knock knock knock on heavens door

sarney
a mais conhecida

dylan
qual meu

sarney
i cant get no satisfaction

dylan
kkkkkkk

sarney
sério canta ela po

dylan
não é minha

sarney
tudo bem agora o nobel também não é mais teu

dylan
para

sarney
fui

magno
volta aqui sarney

HOW I MET YOUR LUXA

crianças hoje eu vo conta pra voces como eu conheci o luxa

0-gente-to-com-fome
gente to com fome
1-vamo-come
vamo come
2-luxa-sao-10-da-manha%cc%83
luxa sao 10 da manhã
3-nos-comemo-agora-e-na%cc%83o-tem-fila
nos comemo agora e não tem fila
4-da-pra-chega-e-escolhe-a-mesa
dá pra chega e escolhe a mesa
5-luxa
luxa
6-eu-quero-ir-naquela-churrascaria
eu quero ir naquela churrascaria
7-para-luxa-para-luxa
para luxa para luxa
8-ninguem-faz-uma-picanha-daquelas-nessa-cidade-so-eu-sei-fazer-melhor
ninguém faz uma picanha daquelas nessa cidade só eu sei fazer melhor
9-luxa-nunca-te-vi-na-churrasqueira
luxa nunca te vi na churrasqueira
10-eu-fac%cc%a7o-churraso-e-fac%cc%a7o-muito-bem
eu faço churrasco e faço muito bem
11-enta%cc%83o-qual-e-a-sua-especialidade-de-corte
então qual é a sua especialidade de corte
12-1-tu-tem-que-pegar-assim-com-uma-faca-bem-afiada-e-tirar-a-carne-sem-perder-o-suco
tu tem que pegar assim com uma faca bem afiada e tirar a carne sem perder o suco
12-2-quem-na%cc%83o-sabe-corta-estraga
quem não sabe corta estraga você tá me entendendo?
13-luxa-e-serio-para
luxa é sério para
14-os-melhores-cortes-fui-que-inventei
os melhores cortes fui eu que inventei
15-gente-na%cc%83o-sei-o-que-fazer-com-ele
gente eu não sei o que fazer com ele
16-e-serio-gente-to-morrendo-de-fome
é sério gente to morrendo de fome
17-e-nos-vamo-na-churrascaria
e nós vamo na churrascaria
18-vamo-faze-assim-enta%cc%83o-vamo-pedi-um-japones-que
vamo faze assim então vamo pedi um chines
19-japones
chines
20-a-gente-pede-o-japones-por-telefone-e-chega-daqui-uma-hora-e-pouco
a gente pede o chines por telefone e chega daqui uma hora e pouco
21-japones
chines
22-gente
gente
23-na-boa
na boa
24-pega-o-telefone-enta%cc%83o
pega o telefone então
25-e-vamo-pedi-pizza
e vamo pedi pizza
26-pizza-luxa
pizza luxa
27-metade-tomate-seco-com-rucola
metade tomate seco com rucola
28-luxa
luxa
29-metade-sardinha
metade sardinha
31-eu-na%cc%83o-vou-comer-pizza-de-sardinha
eu não vou comer pizza de sardinha
32-voce%cc%82-na%cc%83o-entende-nada-de-pizza
você não entende nada de pizza
33-alguem-da-um-jeito-no-luxa
alguém dá um jeito no luxa
34-na%cc%83o-me-chama-de-luxa
não me chama de luxa
35-sena%cc%83o-o-que
senão o que
36-sena%cc%83o-eu-venho-e-te
senão eu te pego e
37-nunca-te-vi-fazendo-churrasco-nunca-te-vi-fazendo-pizza-e-so-te-vi-apanhando
eu nunca te vi fazendo churrasco eu nunca te vi fazendo pizza e eu só te vi apanhando
38-eu-ja-te-convidei-alguma-vez-pra-come-pizza-na-minha-casa
eu já te chamei alguma vez pra come pizza na minha casa
39-na%cc%83o-convidou-mas
não convidou mas
40-tu-ja-comeu-a-minha-pizza
você já comeu a minha pizza
41-na%cc%83o-comi-mas-aposto-que-e-podre
nunca comi mas aposto que é podre
42-na%cc%83o-fala-em-aposta
não fala em aposta
43-tu-na%cc%83o-entende-nada-de-aposta
você não entende nada de aposta
44-tu-nunca-viu-a-bolinha-girando-na-roleta
você nunca viu a bolinha girando na roleta
45-luxa-eu-ja-apostei-alto
luxa você me respeita
46-tu-nunca-apostou-tua-casa
você nunca apostou tua casa
47-tu-nunca-apostou-as-joias-da-tua-mulher
nunca apostou as joias da tua mulher
48-tu-nunca-apostou-os-cavalos
nunca apostou os cavalos
49-tu-nunca-apostou-contra-o-teu-time
você nunca apostou contra o teu time
50-tu-nunca-apostou-que-ia-ter-escanteio-aos-27-do-segundo-tempo
e nunca apostou que ia ter um escanteio aos 27 do segundo tempo
51-luxa-acho-que-isso-na%cc%83o-e-legal
luxa acho que isso tudo o que tu falando isso não é legal
52-tu-na%cc%83o-entende-nada-do-que-e-legal
tu não entende nada do que é legal
53-eu-que-inventei-esse-negocio-de-aposta
eu que inventei esse negócio de aposta
54-e-agora-vamo-pra-churrascaria
e agora vamo pra churrascaria
30-olha-luxa
taí gostei desse cara

PRIMAVERA BRASILEIRA – PARTE 2016

prenderam o ultimo honesto
não que ele nunca tivesse roubado

grampearam um santo
fizeram uma força tarefa pra provar que a + b é igual a c e conseguiram só porque ele disse isso

a delação premiada acumulou
agora ou explode o chefe ou nem pode abrir a boca o único porém é ser o chefe certo

acharam provas contra o demônio
mas como é o demônio melhor não mexer com ele

quem mexeu no meu corrupto
ele tava aqui do meu lado ontem mesmo

só o que falta ele dizer que não sabia nada
ou que sabia que eu sabia

antes da justiça ser justiça
a justiça já sabe o que a justiça vai fazer

nosso país tá virado numa vídeo-cassetada
e a voz da consciência sai da boca do faustão

vestibular

costumam dizer que somos jovens demais pra toma uma decisao tao importante quanto nosso futuro profissional afinal de fato isso acontece naquela epoca de total infantilidade que ronda os bachareis em ensino medio e ha o agravante que o futuro profissional equivale ao futuro em si nesses tempos em que vida pessoal é mero pano de fundo das nossas tramas

por falta de parametro e criterio na mente juvenil os fatores chave pra definir o curso sao um tanto quanto inconsistentes

 

gosta de bicho – veterinaria
a tia acha engraçado – publicidade
bom em matematica – engenheiro
sabe mentir – direito

 

tudo isso é verdadero e penoso as vezes sao anos jogados fora em experiencias frustradas e uma forçacao de barra pra ve se nao é aquilo mesmo em suma um drama

 

mas e o que dizer de uma criança muito mais nova que esses adolescentes que tem em suas maos uma escolha muito mais representativa

 

começa cedo a coaçao

 

o girino humano as vezes antes mesmo de sabe fala ja veste camisa do time enfeitam o quarto compram bone uma tentativa desesperada de faze o filho segui os passos do pai

 

e quando esse fedelho que mal saiu das fralda trai o pai e que fique claro nao existe outra expressao olha o tamanho da pressao psicologica

 

escolhe o curso é fixinha quero ve escolhe o time do coraçao e ser obrigado a carrega esse fardo pelo resto da vida

 

odiando o tecnico sentindo repulsa pelo presidente nojo dos proprios torcedores do seu time

 

isso nos momentos mais felizes por que por vezes chega a se convence que talvez fosse mais negocio larga essa merda simplesmente toca a vida e nao dexa uma porra de futebol influencia seu dia olha pra esses filho da puta

 

nao te contaram isso la atras e agora sim voce ta fodido

os segredos das olimpiadas 2016

rio de janeiro cidade maravilhosa casa dos jogos olimpicos de 2016 abençoado panteao e bonito por natureza

a competiçao esportiva reuniu multidoes movimentou bilhoes e a sociedade acompanhava avidamente os guerreiros se consagrando deixando o nome marcado para sempre na historia

banida por anabolisantes e esquemas envolvendo o governo a russia assistia tudo de longe tentando transparecer uma indiferença ofuscada pela raiva de vladmir putin e seus comparsas

na capital do mundo os jogos aconteciam e os personagens que jamais serao esquecidos eram esculpidos a suor lagrimas e em alguns casos risadinhas o povo anestesiado gritava junto nao sabendo que tudo nao passava de um grande ritual da maconha

michal phelps
phelps
o maior vencedor da historia das olimpiadas
maconhero

usain bolt
Captura de Tela 2016-08-30 às 00.23.25
tres olimpiadas seguida o homem mais rapido do mundo
maconhero

neymar junior
neymar
brasileiro
pediu para bolt um 4×1

de olhos vermelhos as atletas do volei de praia se escondiam atras de oculos escuros
volei.jpg

a campea do ciclismo tambem utilizou da mesma tatica
ciclista

ao final de cada vitoria quilos de maconha eram fumados na vila olimpica causando marofa e larica mais de 50000 pacotes de feijao 100000 saco de arroz milhares de pasteis e muita carne foram consumidos uma parte significativa de atletas jiboiaram e foram mal no dia seguinte

o ex tenista e melhor comentarista gustavo kuerten afirma nunca ter fumado maconha questionado sobre como foi conduzir a tocha ele tangenciou e disse estar muito feliz
gustavo

junto com a maconha eram consumidas garrafas de catuaba e para conter a euforia ou ao menos preservar a integridade fisica dos atletas um numero incalculavel de camisinhas foi distribuido dentro da vila olimpica garantindo sexo seguro e desenfreado por noites a fio o latex extraido da amazonia foi muito elogiado
Captura de Tela 2016-08-30 às 00.40.10

o povo agora estarrecido fica ainda mais abismado com a declaraçao da jornalista e apresentadora fatima bernardes que assumiu estar se seprando de william bonner menos de uma semana apos o fim das olimpiadas

fatima
continuamos bons amigos

william bonner nao foi encontrado

fatima

lochte abre o jogo

o cara veio pro brasil ganho umas medalha e se acho o tal tomo um pau dos frentista invento um assalto e hoje pede desculpa ao povo brasilero pra esclarece todos detalhes dessa confusao que ate deus duvida vem pra ca o tal do lochte
magno
hi
lochte
hello
magno
que vacilo hein mermao
lochte
foi sem quere eu nao queria magoa ninguem
magno
o rio de janero fez uma bela olimpiadas e voce tento estraga
lochte
nao foi bem assim eu bebi demais e fiz merda
magno
voces acharam que nossa policia era um bando de arigo e que ninguem ia descobri essa mentirama
lochte
tenho muito respeito pelo povo brasilero agente so queria ser feliz e acabou se metendo em encrenca
magno
dizem que voce vai perde contratos milionarios e talvez morra de fome assim como milhares de pobres espalhados pelas favelas
lochte
eu errei e assumo meu erro muito triste isso da pobreza
magno
o que voce achou das meninas carioca
lochte
very beutiful queria fica com todas
magno
olha o respeito
lochte
fica com todo respeito
magno
alguem da sua turma namorava e voces tentaram acobertar a noitada parece que nao deu certo
lochte
é nao deu
magno
e esse relacionamento continua de pe
lochte
acho que sim
magno
pior que a traiçao é a mentira
lochte
eu concordo
magno
mas entao por que mentes
lochte
foi um erro me desculpa
magno
tem que se desculpa com o povo nao comigo
lochte
desculpa povo
magno
o povo nao aceita desculpas
lochte
por favor
magno
o olho roxo é pior que a mentira tambem
lochte
é chato mas faz parte ja to bem
magno
mas me conta qual foi o motivo da briga no posto
lochte
nos tomamo um pau
magno
sim mas porque brigaram
lochte
nao lembro acho que eu queria um picole
magno
qual picole
lochte
magnum
magno
e nao tinha
lochte
nao
magno
mas entao voce deveria ser inocentado liberem este homem
lochte
brigado magno
magno
infelizmente nao comando as forças policiais e a justiça brasilera voce sera condenado a seis meses de prisao mas vai ser revertido em 80 horas de trabalho comunitario é mais meia duzia de cesta basica
lochte
nao posso
magno
por que
lochte
preciso nada
magno
o que
lochte
nada
magno
voce esta zombando de mim
lochte
eu jamais faria isso
magno
guardas levem ele pra masmorra

saida de emergencia

acordei atrasado

na verdade o despertador tocou na hora e eu botei mais uma duas vezes pra tocar de novo ate que eu tive que sair voando

botei a roupa de qualquer jeito lavei a cara nao comi nada

corri o corredor pra chamar o elevador que por sorte estava perto nao demorou como de costume abri a porta e entrei preocupado e com pressa quase nao notei o papagaio

nao havia nenhum andar marcado presumo que o animal nao saiba como fazer isso ou talvez seja culpa da gaiola pois ele esta preso calado no seu canto com um olhar acuado

apertei o terreo e instintivamente bati as maos no bolso e percebi que nao estava com o celular o meu deus como viver sem o celular tentei abrir a porta nao deu ja começava a descer apertei o 5 e o 4

nao sei se ele tomou um susto se estava perto demais do andar pra parar o fato é que o elevador nao respondeu bem e travou no meio do caminho forcei os pes contra o chao fazendo o movimento de empurrar mas nao adiantou nada a porta nao abria nao tinha como sair dali bati as maos na parede eu estava ficando nervoso

tentei o botao de emergencia mas nao tem microfone ligacao nao tem um jeito de falar com alguem de fora eu so tocava e fazia aquele apito bem alto eu nao tinha celular so tinha o papagaio

comecei a conversar com ele
acho que foi ele quem começou a conversar comigo

loro
oi
loro
loro

um breve silencio e ele retomou

a vó
oi loro
loro

eu nao sou a vó loro

ele começou a balançar ir pra frente e pra tras so a cabeça mexendo as patinhas bem paradas

han
han
han

eu falei loro vai ficar tudo bem

ahhn
ahhn
ahhn
ahhn
ahhn

caiu a luz

caiu a luz e o loro se remexia ainda mais na gaiola eu nao sei fazer o grunido ele nao tava a fim de conversa so do barulho chato alto insuportavel dentro do elevador ainda pior uma tortura pura

me arrependi da maldita hora em que eu respondi ou comecei a falar com esse papagaio

o elevador continuava trancado nao sei se dou um tapa na gaiola se eu grito com ele mas ai eu tenho a ideia sim o isquero no meu bolso aquela escuridao entre nos eu pego o isqueiro acendo e o papagaio se apavora e finalmente fica em silencio na hora é minha vez

escuta aqui loro a gente ta aqui na merda junto a tua vo se ela nao for uma idiota ela vai ver que esse elevador ta trancado se ela nao for estupida ela vai ter um celular no bolso e vai ligar pro zelador o que resta pra mim e pra ti loro é sofrer e esperar acreditar que alguem vai nos tirar daqui

ele nao responde nada apenas olha para o isqueiro na minha mao e eu continuo o meu discurso porra loro eu tinha uma reuniao importante devem ta ligando pro meu celular devem ta achando que eu sou um irreponsavel que eu sai pra beber ontem de noite que eu fiz arruaça loro a vida nao é facil e tu vive bastante que eu sei

tu nao fala muito tu ate sabe grita mas falar nao me diz o que tu faz da vida cara porque tu ta nesse elevador me fala

la
lalala
lalalala
la
lalala
la
lala

o loro começa a cantar uma melodia infantil graciosa é aquela musica brilha brilha estrelinha quero ver voce brilhar ele canta bem so fazendo la lalala lalalala la lalala la lala e aquilo me acalma eu sento no chao e acompanho ele

a chama do isquero ilumina a nossa cantoria eu e o loro e ninguem mais nesse mundo

lobo solitario

eu tinha 16 anos e finalmente o ultimo amigo solteiro começou a namorar que tempos dificeis eu vivi

um pouco antes disso achava que uma colega de aula gostava de mim eu era novo na turma e a professora nos colocou a sentar juntos nos demos bem agente passava o tempo todo conversando dando risada e ate quase nos beijamos uma vez ou talvez isso nunca aconteceu o fato é que na verdade ela tava afim era do meu amigo tambem nosso colega e se mudou de colegio junto comigo era o ultimo sobrevivente da tribo solteira

estranhei quando eles começaram a namorar porque foi assim de repente um belo dia estavam namorando nem ele nem ela me falaram nada achei estranho pois supostamente era amigo de ambos

me tornei um lobo solitario ate o ponto em que fui obrigado a fazer novas amizades

gente chata bebada e idiota bons companheiros naquele idade agente é meio doente totalmente inconsequente e pobre o que nos leva a experimentar todo e qualquer tipo de bebida barata e forte quando damos sorte paramos na casa de um amigo que tem um pai que gosta de bebida e tem um bar cheio de coisa boa

lembro de toma cachaça com coca sem gelo
lembro de toma whisky importado quando se usava a expressao whisky importado
lembro de toma cunhaque do faustao e vomitar em seguida
lembro de toma tequila e cerveja alternadamente como se a cerveja fosse agua
lembro de toma absinto e alguem me dizer vai com calma

eu me divertia um bocado com esse pessoal e numa noite dessas saindo em uma festa improvavel no meio das ferias de inverno encontrei a minha colega que namorava meu colega que por sua vez estava viajando com a familia para um lugar longinquo

na volta das aulas eu falei em tom de piada para minha vizinha de mesa como tu foi capaz de trair meu amigo

ela subitamente congelou e entrou em panico da sua boca sairam as palavras como foi que tu descobriu

pronto o que voce faz nessa situaçao

eu disse conta pra ele antes que eu conte eu nao quero contar entao conta antes mas se tu nao contar serei obrigado

quando ele voltou o primeiro dia se passou e ela nao contou nada eu disse conta no segundo dia ela nao contou de novo e antes que eu tomasse alguma atitude outro amigo deu a noticia

olha nao sei como te falar mas voce é corno

acontece que ele descobriu outra traiçao essa pior porque era com um cara da outra turma eu fiquei indignado e disse meu amigo nao foi a unica vez que isso aconteceu

confesso que senti uma pontinha de alegria porque recuperaria mais um amigo agora um de fe um amigo de longa data solteiro novamente so que ele perdoou a menina e eles continuaram namorando escondido nao queria ficar com a fama de corno manso e quem acabou se fodendo na historia foi o cara que contou a traiçao e entrou na lista negra da namorada

eu continuei solteiro e aos poucos fui me tornando um alvo da sociedade deve ter algo errado com ele qual o problema desse guri como alguem dessa idade continua assim sem nunca ter namorado ninguem

estava fadado a morrer sozinho todos caminhos apontavam para isso a unica pessoa que parecia nao se importar era eu ate comunidade no orkut fizeram pra tentar encontrar uma namorada pra mim

pra que tanto desespero ate parece que esses namoricos juvenis duram pra sempre

pior que alguns duram mesmo fico assustado quando encontro casais que estao juntos desde aquele epoca e por mais que ache bonitinho eu sinto um pouco de pena deles eu sei que soa babaca nao posso fazer nada infelizmente

o namoro da traiçao ate que durou um bom tempo mas mais cedo ou mais tarde iria ter um fim

e eu sim eu perdi o grande amor da minha vida ela tava ali no meio dessa bagunça adolescente agente so nao se enxergava agente nunca tinha nem conversado a melhor parte é que ainda temos todo o tempo do mundo pra se ama