pandemonio paradoxal

se voce para pra pensa em toda aquela ladainha de auto ajuda amorosa e o caralho vai percebe um dado alarmante as pessoas que fala sobre essa porra é tudo infeliz e quase sempre gorda mal comida

imagina uma munaia de uma mulher com 100 quilos na frente da tela do computador escrevendo que é sensivel essa cena é corriquera

tambem é no minimo curioso que essa gente diga que demonstre tanto afeto e carinho pelas coisas simples mas no fundo nao passem de materialistas formadoras intriga muitas vezes barraqueras

outro fator que levanta grande interesse é que esse tipo de seres humanos sente muito amor pelos animais carinho por cachorro principalmente o melhor amigo das mulheres sim ne nao vamo fala em homens mas parece existi uma relaçao diretamente proporcional no seu nivel de reacionarismo pobre cachorro de rua ela diz por outro lado acha que o mendigo que ta na esquina é um fodido que so foi para ali porque é um vagabundo e nunca trabalho na vida

essas menina tambem custumam dize que nao sao ciumentas mas é claro uma infeliz dessa nao tem nada na vida alem de seus muitos quilo vai sentir ciumes do que de um pacote de pipoca de um pedaço de calabresa da amelie poulan

o pior de tudo é que suas palavras tocam as mulheres que nao tem absolutamente nada a ve com quem escreveu mas essas outras sentem como se ela falo diretamente pra mim é como aquela banda de pop punk falando sobre sentimentos e voce com 15 ano achando que aqueles cara realmente sabem tudo sobre a vida

Anúncios

Um comentário em “pandemonio paradoxal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s